<< La veu de les ciutats

Vila Real (Portugal)

Presidente Sr. Rui Jorge Cordeiro Gonçalves dos Santos

Em boa hora, a Assembleia Geral da Associação Internacional das Cidades Educadoras decidiu celebrar, no próximo dia 30 de novembro de 2016, a primeira edição do Dia Internacional da Cidade Educadora, e à qual o Município de Vila Real tem a honra de se associar, através de um conjunto de atividades que pretende manifestar publicamente o nosso compromisso com os princípios inscritos na Carta das Cidades Educadoras, proclamados em 30 de novembro de 1990, em Barcelona.

Desde 2004, ano da adesão do Município de Vila Real à AICE, que, para nós, a educação (formal, não formal ou informal) é entendida, também, como elemento fundamental para o desenvolvimento sustentado da nossa comunidade local, pelo que reconhecemos que é necessário e fundamental que a nossa Cidade seja, efetivamente, EDUCADORA!

A Cidade não se pode limitar, nem deixar-se limitar, a ser um eventual ou mero recurso pedagógico dos estabelecimentos de educação e ensino, mas deve constituir-se como um efetivo e proactivo agente educador, com todas as responsabilidades inerentes, garantindo o direito a todos os cidadãos de usufruírem, em condições de plena igualdade e de liberdade, de tudo o que a cidade tem para oferecer. E é neste pressuposto que deve ser entendido o papel educativo da respetiva Câmara Municipal: potenciar a capacidade educadora da cidade, sabendo clarificar os papéis dos diversos agentes interventivos, reconhecendo, dinamizando e rentabilizando o saber fazer bem próprio de cada um, construindo um trabalho em rede, onde todos colaboram na educação dos cidadãos.

Só numa Cidade Educadora o município tem uma centralidade fulcral, quer seja na promoção e dinamização de serviços e atividades sócio-culturais, desportivas, educativas, ou outros, quer seja no apoio às diversas iniciativas da sociedade civil, nestas ou noutras áreas, criando, no aglutinar de todas as boas vontades, um único projecto educativo que sirva as pessoas e a cidade.

Este papel do governo local não pode ser entendido, e muito menos exercido, numa perspetiva de controlo ou condicionamento da ação educadora externa, antes deve ter uma intencionalidade de bem servir os cidadãos e de, assim, contribuir para que todos possam educar-se e educar, desenvolvendo as suas capacidades, enquanto pessoas livres, responsáveis e solidárias.

A Cidade Educadora manifesta, em todo o tempo e espaços, uma preocupação com as pessoas, no respeito pelo meio ambiente, permitindo-lhes fruir os seus benefícios, dentro dos limites de uma sustentabilidade regrada, e numa ótica de deixar que também as gerações vindouras os possam reconhecer e desfrutar.

Só numa verdadeira Cidade Educadora as pessoas são os protagonistas do seu próprio presente e construtores do seu futuro.

Segueix el nostre Twitter

  • AICE
  • Associació Internacional de Ciutats Educadores.
  • Avinyó 15, 4ª planta, 08002 Barcelona.
  • Tel +34 933 427 720 Fax +34 933 427 429
  • edcities@bcn.cat
  • Veure mapa